• Publicações
Notícias

Nota de esclarecimento


Atualizado em 29/04/2019 18:43:13

 

Nota de esclarecimento

A Associação dos Magistrados da Bahia, em função da matéria “Corregedor de Justiça mantém investigação contra desembargadora Sandra Rusciolelli”, publicada pelo portal Bahia Notícias, neste 29 de abril de 2019, presta, em nome da magistrada, os esclarecimentos necessários para que a verdade seja estabelecida.

Em tempo, a entidade lamenta a divulgação da acusação de que a magistrada estaria sendo investigada por “venda de sentença” sem o aprofundamento dos fatos, o que foi ratificado em citação na própria matéria, de que tal informação teria surgido de “notícias de bastidores”. A divulgação, sem o embasamento e sem fontes diretamente ligadas ao caso, atenta contra a honra da magistrada.

De acordo com a magistrada, ela jamais foi cientificada de qualquer investigação neste sentido. Desta forma, a Desembargadora afirma que tomará providências judiciais, enfatizando que a acusação de “venda de sentença” é “muito grave” e que exige responsabilidade para sua propagação.

A magistrada cita ainda que, atualmente, ela e sua família se encontram sob proteção policial, por conta de ameaças em razão de decisões proferidas em processos originários do Oeste da Bahia.

Neste contexto, a Associação dos Magistrados da Bahia reafirma seu posicionamento de relação harmoniosa e de colaboração recíproca com todos os segmentos da sociedade, nos âmbitos público e privado, sem prejuízo da defesa das prerrogativas, dos direitos e dos deveres inerentes à magistratura.

 

Elbia Araújo
Presidente da AMAB


Associação dos Magistrados da Bahia - Fórum Ruy
Barbosa, 4º andar, sala 413. Salvador, BA
Tel. 71 3320-6950