Notícias

AMAB Presente promoveu encontros com juízes em Itabuna e Ilhéus

A presidente da Associação dos Magistrados da Bahia – AMAB, juíza Nartir Weber, e a assessora especial da presidência da entidade, desembargadora Maria de Lourdes Medauar, estiveram nesta última quinta (22) e sexta-feira (23) no sul do estado. Elas tiveram encontros com juízes das comarcas de Itabuna, Ilhéus e região.

Nas duas reuniões, Nartir Weber destacou a importância do projeto AMAB Presente, que possibilita ouvir e discutir sobre assuntos de interesse da magistratura no interior do estado. “Foram encontros muitos proveitosos e que possibilitaram o levantamento de demandas, que serão apresentadas ao Tribunal”, afirmou.

Em Itabuna, na quinta-feira (22), a presidente da AMAB ficou surpresa com a boa estrutura da comarca. Os presentes falaram da satisfação de trabalhar na unidade, que conta com 16 juízes e que, recentemente, ganhou mais uma vara de Fazenda Pública. “Eles estão bem, em relação à estrutura e demanda de processos, e os problemas são pontuais”, citou. A maior reclamação é com relação aos sistemas de informática e a necessidade de maior suporte técnico. Também abordaram outros temas, como teletrabalho e falta de servidores, e ainda sugeriram à AMAB a criação das coordenadorias nas áreas criminal, fazendária e cível e consumo.

A juíza Carla Araújo disse ter ficado muito feliz com a visita da presidente Nartir Weber e da desembargadora Maria de Lourdes Medauar, para ouvir as reivindicações dos magistrados. Já o juiz Alexandre Mota destacou que, mesmo a comarca não apresentando grandes problemas, a visita foi muito importante, pois aproxima e possibilita um canal de diálogo.

Nesta sexta (23), em Ilhéus, a principal demanda discutida foi a construção do novo fórum do município, já que o atual prédio apresenta muitos problemas na estrutura. Segundo o juiz Antônio Hygino, já existe a área para a construção, na Avenida Soares Lopes, e que o andamento depende apenas de detalhes técnicos. No momento, ele citou a questão da segurança entre “as principais aflições”, e citaram ainda a falta de servidores e de condições de trabalho.

“O encontro foi muito importante e registrou grande receptividade. Tivemos a oportunidade de passar o quadro que estamos vivendo em Ilhéus, descantando as principais necessidades, que serão posteriormente encaminhadas pela AMAB ao Tribunal para as devidas providências”, afirmou Antônio Hygino. Ele ainda destacou que, graças aos esforços da presidente da AMAB, a Residência dos Juízes em Ilhéus será reformada, atendendo aos magistrados que não possuem residência na cidade. O prédio, de três andares, também foi visitado pela comitiva. “Foi uma grande alegria receber a presidente da AMAB e a desembargadora Maria de Lourdes, e falar o quanto é importante este congraçamento, esta União e participação. É isso que faz fortalecer a magistratura e caminhar para um futuro melhor”, declarou.